13 de março de 2012

APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA: MUDANÇA NA FORMA DE SE ENSINAR E APRENDER


Nunca se falou tanto na educação, que a aprendizagem para os alunos tem de ser significativa desde a educação infantil até o ensino superior. Se este termo vem ganhando espaço dentro da educação é por que tudo o que foi feito anteriormente, não serve mais para os dias atuais. Mas por que isso aconteceu? Simples, a sociedade mudou, evoluiu e se transformou de uma sociedade agropecuária em uma sociedade industrial e, desta, para a tecnológica.
E a educação evoluiu no mesmo tempo em que as transformações sociais, políticas e econômicas aconteceram na sociedade?
Claro que não, por isso estamos fadados a falência na educação brasileira. As crianças atuais com todo este movimento tecnológico é um ser crítico, que argumenta e questiona e que não se satisfaz com respostas do tipo: porque sim e pronto! Elas são pessoas que sabem onde buscar informações e o pior é que estão, muitas vezes, mais atualizadas que o próprio professor em sala de aula. Isto pode causar uma série de comportamentos que julgamos incorretos para uma escola, mas os alunos com seus celulares, tablets, i-poids, i-phones já não prestam mais atenção nas aulas, porque estas podem ser consideradas chatas demais para o seu dia a dia, repleto de informações diferentes e interessantes. Muitas vezes eles questionam: Por que tenho que aprender isso se não vou usar na prática para nada?
Eles estão errados? Na minha concepção de educação e de mundo não! Eles estão corretíssimos! Mais do que isso, estão nos chamando à atenção para uma mudança na educação como um todo, desde a educação infantil até o ensino superior.
Trabalhar com conteúdos significativos é ensinar o real, o verdadeiro. O sentido daquilo que se estuda, é mostrar a lógica dos fatos e acontecimentos na teoria e na prática ou vice-versa.
Acredito que devemos partir da prática, e a partir daí, explicar a teoria, mas muitos ainda fazem o inverso, porque aprenderam assim nos cursos de formação. Para alguns estudiosos, isso pode parecer um tanto quanto ilógico, mas posso garantir que é muito mais interessante e relevante, e a interação entre os participantes será muito maior. 
Talvez essa seja uma das soluções para conseguirmos fazer sentido àquilo que as crianças, jovens e adultos precisam para adquirirem conhecimento em um mundo tão globalizado, tão instantâneo, tão tecnológico.
Mas cuidado! Não estou dizendo aqui que tudo deva ser mudado de uma hora para outra, os conteúdos precisam ser revistos sim, mas principalmente, A FORMA como são dados. Claro que isto necessita de investimentos em formação, tanto inicial quanto continuada. Um professor que vem realizando a mesma forma de ensinar durante anos de sua prática professoral e não se atualiza o suficiente com o mundo tecnológico, não vai mudar sua concepção de mundo e de educação instantaneamente, nem pode, senão ele corre o risco de se descaracterizar profissionalmente. Toda mudança deve ser gradual e com consciência e não de cima para baixo, ela deve acontecer quando o sujeito percebe que sua forma antiga de agir já não proporciona mais resultados tão satisfatórios. E isso é visível na nossa sociedade, a educação brasileira não está mais sendo satisfatória, a indisciplina é uma das reclamações mais frequentes dos professores. E o que causa isto?
Uma educação sem significados, sem sentido para quem a realiza pode ser uma das causas da indisciplina em sala de aula.

Drª. Vanda Minini
Doutora em Educação: Psicologia da Educação pela PUC-SP
Consultora e Palestrante em Educação
http://vandaminini.blogspot.com/


Um comentário:

  1. Bom dia,sou anderson da equipe detetive-particular.org ,quero falar que o blog ta de parabens gosto muuito dele,muito bem feito!!!...me recomendaram e estou acompanhando...recomendação hoje é tudo..to precisando saber se esse site aqui é bom por que eu to precisando de um rastreador de carro,moto entre outros alguem conhece o http://www.rastreadorgps.org/ ? se alguem souber de uma referencia me da um toque,e parabens pelo blog bom demais!!

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário!